pt-pt +351 939 235 418 geral.lisbonroots@gmail.com | pedro.miranda.lisbonroots@gmail.com

Login

Inscrever-se

After creating an account, you'll be able to track your payment status, track the confirmation and you can also rate the tour after you finished the tour.
Utilizador *
Password*
Confirmar password*
Primeiro nome*
Apelido*
Birth Date*
Email*
Telemóvel *
País*
* Creating an account means you're okay with our Terms of Service and Privacy Statement.
Por favor concorde com todos os termos e condições antes de proceder ao próximo passo

Já é um membro

Login
+351 939 235 418 geral.lisbonroots@gmail.com | pedro.miranda.lisbonroots@gmail.com
pt-pt

Login

Inscrever-se

After creating an account, you'll be able to track your payment status, track the confirmation and you can also rate the tour after you finished the tour.
Utilizador *
Password*
Confirmar password*
Primeiro nome*
Apelido*
Birth Date*
Email*
Telemóvel *
País*
* Creating an account means you're okay with our Terms of Service and Privacy Statement.
Por favor concorde com todos os termos e condições antes de proceder ao próximo passo

Já é um membro

Login

O Grande Rio do Sul

0
Preço sob consulta
Preço sob consulta
Reservar agora
Formulário de Reserva
Nome completo*
Email Address*
O seu formulário*
* Concordo com os termos e condições da página
Por favor concorde com todos os termos e condições antes de proceder ao próximo passo
O tour ainda não está disponível ainda.

Proceder a reserva

Salvar para lista de desejos

Adding item to wishlist requires an account

1653

Porquê reservar connosco?

  • Melhor preço garantido
  • Atendimento ao cliente disponível 24h
  • Passeios e actividades personalizadas
  • Seguro de viagem incluído

Tem alguma questão?

Não hesite em contactar-nos! Temos uma equipa disponível para o atender 24 horas por dia!

+351 939 235 418

geral.lisbonroots@gmail.com
pedro.miranda.lisbonroots@gmail.com

5 Dias
Disponibilidade : Jan 16’ - Dec 16’
Capacidade de pessoas : 30
Breve Descrição

O Rio Guadiana atravessa as províncias do Alto Alentejo, Baixo Alentejo e Algarve e configura uma parte considerável da fronteira portuguesa, uma outra parte corre em Portugal e uma terceira é motivo de desentendimento entre  os dois países ibéricos.  É precisamente nesta zona que se encontra o conjunto de fortificações de Elvas, é o maior do mundo na tipologia de fortificações abaluartadas terrestres, possuindo um perímetro de oito a dez quilómetros e uma área de 300 hectares, classificado pela UNESCO Património Mundial. Do outro lado Olivença, razão da discórdia entre Portugal e Espanha. São também as águas do Guadiana que formam o maior lago artificial da Europa, o Alqueva. Mais a sul, o Pulo do Lobo, acidente geológico com milhões de anos. Logo depois Mértola, o porto atlântico mais interior que fez dela uma cidade romana e árabe da maior importância. Um verdadeiro campo arqueológico que permite perceber como entrou o cristianismo na Península Ibérica, as diferenças entre correntes cristãs e como os cristãos se converteram ao islamismo depois do séc. VIII e ainda como foi o processo de reconquista.

De Alcoutim a Vila Real de Santo António, rio abaixo, a paisagem é mais verde, num ambiente romântico. Já no Algarve impõe-se uma visita à capital algarvia , a cidade de Faro, conhecida na época romana como Ossonoba.

Local de partida

Marquês de Pombal (Google Map)

Hora de partida

07.00h

O que está incluído

  • Transporte
  • 5 almoços
  • 4 jantares
  • 4 noites de alojamento e pequeno-almoço
  • 5 Entradas em monumentos de Olivença com guia local, Museu do Relógio em Serpa, Mina de S. Domingos e Casa do Mineiro com guia local, Núcleos do Museu de Mértola, Centro Interpretativo de Castro Marim. Passeio de barco no Guadiana de Alcoutim a Vila Real de Santo António Todas as visitas conforme o programa
  • Guia durante todo o percurso
  • Seguro de viagem

O que não está incluído

  • Suplemento para quarto individual
  • Tudo o que não está indicado no programa
  • Jantar do último dia
Programa

1º Dia Lisboa/Olivença/Elvas

Ponte da Ajuda – Ponte sobre o Guadiana, destruída durante a Guerra da Sucessão espanhola, no início do séc. XVIII. Obra grandiosa da arquitetura manuelina militar, construída junto à capela de N. Sra. da Ajuda era a única maneira de chegar a Olivença sem passar por território espanhol.

Olivença –  Com guia local visitaremos a Igreja da Madalena que é um dos melhores exemplares da arte portuguesa conjugando o manuelino, com a talha dourada e o azulejo; a Igreja de Santa Maria com umas das poucas e mais belas representações da árvore de Jessé; a igreja da misericórdia ou do Espírito Santo que preserva  belos painéis de azulejos. Visita ao Museu de Olivença instalado na maior torre de menagem construída pelos portugueses. Os nomes das ruas, as calçadas, as muralhas  fazem-nos pensar que estamos em Portugal.

Almoço em Elvas 

Elvas –  É toda ela uma grande fortaleza a que se juntam os Fortes da Graça e de Santa Luzia, mais 3 fortins e 3 muralhas de séculos diferentes e juntos constituem a melhor Fortaleza Abaluartada da Europa e como tal foi classificada como Património Mundial. No séc. XVI Elvas foi elevada a sede de Bispado que deixaria de o ser no séc. XIX. Da época manuelina ainda existem alguns elementos dessa antiga igreja de N. Sra. da Praça que Intervenções posteriores transformariam na grandiosa catedral barroca. Do alto do castelo avistam-se os fortes e as muralhas e vendo Badajoz ali tão perto percebe-se a necessidade de tão imponente complexo. Terminamos a visita junto ao Aqueduto da Amoreira.

Jantar e alojamento em Elvas.

2º Dia Elvas/ Monsaraz/ Serpa/ Pulo do Lobo/ Mina de S. Domingos

Monsaraz – Visita à vila com suas muralhas e castelo medievais, as suas construções civis e religiosas quinhentistas como Igreja Matriz e a antiga Câmara Municipal. O comércio testemunha a importância da olaria e da tecelagem na tradição local.

Serpa – Visita ao castelo, sitiado pela última vez em 1707 no contexto das guerras da sucessão espanhola.  Sobre as muralhas, que ainda exibem  2 das 5 portas,  passa o aqueduto  e no mesmo conjunto surge o solar dos condes de Ficalho.  Visita ao Museu do Relógio, instalado num antigo convento conhecido como Mosteirinho. É único do género em Portugal. Oportunidade de degustar o famoso Queijo de Serpa.

Almoço em Serpa.

Pulo do Lobo – Acidente geológico que alterou o leito do Guadiana e o que era o fundo do rio está hoje à vista e as águas seguem o seu curso a nível mais profundo depois de um desnível de 20 metros.

Mina de S. Domingos – Visita às instalações da antiga mina e à Casa do Mineiro que é um dos núcleos do Museu de Mértola. Depois há lugar à visualização de um documentário sobre a história do que foi e representou este enorme empreendimento.  A vida dos trabalhadores e das sua famílias está patente neste documentário de forma que percebemos porque é esta também uma história de luta, resistência e sobrevivência.

 Jantar e alojamento na Mina de S. Domingos ou em Mértola.

3º Dia Mina de S. Domingos/Mértola/Alcoutim

Mértola Vista à Alcáçova, um dos lugares arqueológicos mais importantes de Mértola onde é possível por exemplo ver o criptopórtico romano, os batistérios paleocristãos e as casas comuns do período árabe. Da parte da manhã far-se-á ainda a visita ao Castelo Medieval demonstração maior da reconquista cristã da vila e por fim a visita à Igreja Matriz: sob um teto abobadado suportado por colunas, descobrem-se os vestígios que confirmam que este edifício foi outrora a mesquita. O mirhab ainda em bom estado de preservação e as portas de arco em ferradura são disso prova. Do interior tem-se ainda acesso à cave da antiga sacristia que expõe os vestígios de outras épocas desta edificação.

Visita ao Museu de Mértola. O Museu é um conjunto de núcleos museológicos espalhados um pouco por toda a vila, a saber: os núcleos de Arte Islâmica e Arte Sacra que revelam muito sobre o processo de cristianização e de islamização da península Ibérica; a Forja do Ferreiro e a Oficina de Tecelagem que mantém vivas técnicas ancestrais.

Almoço em Mértola.

A visita ao museu prossegue pelos  núcleos implantados em edifícios dos respetivos períodos históricos: a Casa Romana, a Basílica Paleocristã e a Ermida e Necrópole de S. Sebastião.

Neste percurso surge ainda a Torre do Relógio. Um torreão assente sobre as muralhas que circundam o centro histórico, convida o visitante a explorar a sua escadaria e a estender o olhar pelas águas do Guadiana. No sino inscreve-se a data de 1593, data provável da sua utilização como torre relógio.

 Jantar e alojamento em Alcoutim.

4º Dia Alcoutim/ Vila Real de S. António

Alcoutim – Terra de fronteira, de muitos confrontos bélicos, guarda memórias de quando o Guadiana não era fronteira. Romanos, visigótico e árabes aqui viveram pelo que o rio podia trazer e levar. Vista ao núcleo arqueológico situado no Castelo da Vila onde também existe uma curiosa exposição de Jogos Islâmicos. Um passeio a pé pelas pitorescas ruas de Alcoutim conduz sempre ao cais. Travessia do Rio para visitar a povoação espanhola na margem esquerda, Sanlúcar de Guadiana.

O almoço será servido a bordo de um barco que levará o grupo rio abaixo até Vila Real de Santo António. Uma tarde de animação e de contemplação do que o Guadiana tem para oferecer.

Jantar e alojamento em Vila Real de St. António

5º Dia V.R.S. António/ Castro Marim/ Faro/ Lisboa

Castro Marim – Foi a primeira sede da Ordem de Cristo e desde então assumiu-se como ponto estratégico da fronteira sul pelo que o seu património militar é da maior importância. Visitas ao Revelim de Sto António com vista sobre as Salinas Tradicionais; centro interpretativo de Castro Marim; Forte seiscentista de S. Sebastião, Castelo Medieval e Mercado.

Faro – Almoço  e tarde livre em Faro.

20h00 Hora prevista de chegada a Lisboa.

Map
Photos
7 travellers are considering this tour right now!
We are using cookies to give you the best experience. You can find out more about which cookies we are using or switch them off in privacy settings.
AcceptPrivacy Settings

GDPR